Cirurgia da vesícula

A vesícula biliar é um órgão localizado logo abaixo do fígado no quadrante superior direito do abdome. Sua função é armazenar a bile que ajuda na digestão dos alimentos, principalmente das gorduras.
Pedras na vesícula são comuns. Estima-se que esteja presente em 6 % dos homens e 9% das mulheres. O principal sintoma é a dor, geralmente localizada logo abaixo da costela no quadrante superior direito do abdome. Isto ocorre, pois a pedra obstrui o ducto cístico (canal que conecta a vesícula ao ducto principal da bile) o que causa contração da vesícula que se traduz por dor. Outros sintomas podem incluir náuseas, vômitos e desconforto ou distensão abdominal após as refeições.

Diagnóstico: O diagnóstico é feito por ultrassonografia.

Complicações da pedra na vesícula: além da dor as pedras podem causar inflamação da vesícula biliar (colecistite aguda), pancreatite aguda que pode ser leve ou grave, coledocolitíase (quando um desses cálculos da vesícula migra para o canal hepático (colédoco) obstruindo esse canal, colangite aguda, etc.

O tratamento cirúrgico constitui na retirada da vesícula junto com os cálculos e é feito, na maioria dos casos, por laparoscopia.